terça-feira, 2 de outubro de 2012

Pitanga - Sabonete Artesanal

Pitanga
Composição: Base glicerinada, lauril, extrato glicólico de mel e essência de pitanga.

A Fruta.
Curiosidade
O seu nome vem da língua Tupi – “pi’tana” (avermelhado). A essa cor se deve também a expressão “chorar pitanga” – que, segundo Câmara Cascudo, é adaptação da expressão portuguesa “chorar lágrimas de sangue”.
A cor da “boca mimosa e vermelha como pitanga” descrita por José de Alencar (“Iracema”).
A cor do rosto envergonhado “que ficou como uma pitanga”, segundo Machado de Assis (“Quincas Borba”).


Propriedades.
Com essas folhas se faz chá eficiente no alívio de dores reumáticas, no tratamento de bronquite e para baixar a febre. “Erisipela só dá com febre alta...Isto passa. Com o chá de pitanga tudo vai indo”, receita Guimarães Rosa (“Sagarana”).

A madeira é empregada na confecção de cabos de ferramentas e outros instrumentos agrícolas.

A presença de licopeno (poderoso antioxidante) em sua composição é responsável pela coloração vermelha intensa da fruta. Mais recentemente, tem sido apontado que esta frutinha também possui propriedades afrodisíacas.
Conforme análise físico-química de 100 gramas de polpa de pitanga foram constatadas 38 calorias, 0,3g de proteína, 10mg de cálcio, 20mg de fósforo, 2,3mg de ferro 0,03mg de vitamina B2 e 14mg de vitamina C.

Nenhum comentário:

Postar um comentário